Missão Jovem

- Fazer a diferença é tudo!

 RSS

Terça, 25 de Abril de 2017

Navegação

 

Gostos Alterados

No sentido de que, quanto ao trato passado, vos despojeis do velho homem, que se corrompe segundo as concupiscências do engano. Efés. 4:22.

meditacao

João diz: "A luz" - Cristo - "resplandece nas trevas", isto é, no mundo, "e as trevas não prevaleceram contra ela... Mas, a todos quantos O receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, a saber, aos que crêem no Seu nome; os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus." João 1:5-13. A razão por que o mundo incrédulo não é salvo é que eles não escolhem ser iluminados. A velha natureza, nascida do sangue e da vontade da carne, não pode herdar o reino de Deus. Os velhos costumes, as tendências hereditárias, os antigos hábitos, precisam ser abandonados; pois a graça não é herdada. O novo nascimento consiste em ter novos motivos, novos gostos, novas tendências.

Os que são gerados para uma nova vida pelo Espírito Santo tornaram-se participantes da natureza divina, e em todos os seus hábitos e práticas eles evidenciam sua relação com Cristo. Quando homens que professam ser cristãos retêm todos os seus defeitos naturais de caráter e disposição, em que sua posição difere da dos mundanos? Eles não apreciam a verdade como santificadora, como refinadora. Não nasceram de novo...

Que ninguém pense que sua maneira de proceder não precisa modificar-se. Os que julgam assim não são aptos a empenhar-se na obra de Deus, pois não sentirão a necessidade de avançar constantemente para uma norma mais elevada, fazendo contínuo progresso. Ninguém pode andar em segurança se não desconfiar do próprio eu e se não estiver olhando constantemente para a obra de Deus, estudando-a com coração voluntário, para ver seus próprios erros e aprender a vontade de Cristo, e orando para que seja efetuada nele, por ele e através dele. Eles mostram que sua confiança não está em si mesmos, mas em Cristo. Mantêm a verdade como sagrado tesouro, apta para santificar e aprimorar, e estão constantemente procurando colocar suas palavras e ações em harmonia com os seus princípios. Temem e tremem, com receio de que seja idolatrado algo impregnado do próprio eu, fazendo assim que seus defeitos sejam reproduzidos em outros que confiam neles. Estão sempre procurando dominar o próprio eu, deixar de lado tudo que esteja impregnado dele, e substituí-lo pela mansidão e humildade de Cristo. Estão olhando para Jesus, crescendo nEle, obtendo luz e graça de Sua Pessoa, para que possam difundi-las a outros. Review and Herald, 12 de abril de 1892.




 

www.missaojovem.org (2017) - Todos os direitos reservados